4 de outubro de 2011

Pensamentos...

No silêncio e na solidão das paredes de nosso quarto, temos a sensação de que o mundo se voltou contra nós. Contra nossos sonhos, nossas fantasias, nossos desejos mais secretos. A sensação de que ninguém nos ama assola nossa mente fraca.
Olhamos para o jardim de nossas vidas e tudo o que podemos ver são ervas daninhas. E ficamos então nos perguntando quem foi que destruiu nossas rosas, margaridas e girassóis?
Talvez seja difícil, mas a verdade é que ninguém destruiu nosso jardim. Nós é que não plantamos nada, por isso nada floresceu!
Para ser feliz é importante ter ideais. Ideais são sementinhas que a gente vai plantando e quando vê germinam e transformam a nossa vida num lindo jardim de flores do campo.
São os ideais e o tempo gasto para concretizá-los que faz as pessoas viverem mais e felizes. Sem eles os dias acabam se tornando patéticos, e a vida acaba sendo sempre uma terça-feira tempestuosa.
Um ideal de vida, algo por que acreditar e lutar; é o principal ingrediente de uma pessoa feliz com a vida e consigo mesmo. Feliz com o seu jardim florido.
A vida pode ser do jeito que queremos, com algumas pequenas modificações, é claro! Mas sem perder a sua essência.
Só precisamos saber o que queremos ver plantado. Depois é só pegar as ferramentas necessárias e começar. Sem começo não há meio e nem jardim.
Sem plantação não há colheita.
Um grande abraço e boa plantação!

Autora: M. C. Jachnkee.

Fonte da imagem: 
http://marciopsi.blogspot.com/2011/08/esperanca-e-o-inconsciente-que-acredita.html

13 comentários:

  1. Bonito texto Marli!
    Concordo plenamente, devemos plantar bem e para colher bons frutos.
    Bjinhoss XD

    Ps: EStou adorando livro e conhecer um pouco de Amazônia, que confesso ñ conhecia muito de sua história.

    ResponderExcluir
  2. Olá Marli.

    Muito bonito o texto, parabéns!!

    Abçs!!

    http://devoradordeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Boa noite querida, adorei o teu texto...voce semeia o que planta, então, pense bem o que ira plantar, para depois nao se arrepender do que ira colher...bjin

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Muito bom o texto!
    Plantemos pois, que sem este não há o que colher!

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  5. Marli!
    Belíssimo texto.
    Acredito que as pessoas tem se tornado tão individualistas, que não enxergam o que se passa ao lado.
    A felicidade tem de vir do interior.
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Oi, amiga

    Hoje tive tempo de passar por aqui e agradecer com todo meu carinho, a sua visita lá no Fragmentos.

    Desculpe a demora, mas a vida corrida não me permitiu vir antes.

    Desejo a você uma linda primavera, cheia de muito colorido paz e amor.

    Um beijo de luz no seu coração.

    Sigo-te

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia amigos...obrigada pela visita...também estou na corrida...sei como é...mas sempre plantando uma sementinha aqui outra ali...!
    É tão bom colher...e plantar também!! Eu adoro plantar e colher! Beijinhos meu lindos!

    ResponderExcluir
  10. Lindo e verdadeiro! É o que sempre digo a quem começa a se queixar muito da vida. Nós colhemos o que plantamos, nada além disso.
    Beijos!
    Rosane

    ResponderExcluir
  11. Sim Rosane..muitas vezes as pessoas só sabem reclamar...passam a vida na mesma ladainha...eu aprendi que está dentro de nós e fora...preciso ter vontade de fazer acontecer...daí as coisas começam a mudar também! Beijinhos!

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita e por seu comentário!

Beijinhos!

© M.C. JACHNKEE. Powered by Blogger :: Voltar ao topo imagem-logo